ptarzh-CNenfrdeitjarues

Está chegando o maior evento de Segurança Cibernética Industrial da América Latina: CLASS 2020. Prepare-se!

Avalie este item
(0 votos)
Quinta, 06 Fevereiro 2020 17:33

Entre 26 e 28 de maio, em Curitiba, empresas e representantes do setor público debaterão sobre a transformação digital e os impactos na segurança cibernética 

 botanical garden 2168222 1280

 

Patrocinadores, parceiros estratégicos e expositores estão em fase final de assinatura de contrato e contribuições para elaboração de conteúdo da  4ª Conferência Latino-Americana de Segurança SCADA (CLASS)

Mais da metade da programação também está definida. Serão cerca de 20 palestras, 10 oficinas com profissionais de empresas consolidadas que falarão desde governança para sistemas de controle industrial a aspectos de sistemas SCADA como arquiteturas seguras, criptografia, controle de acesso e defesa em profundidade, Compliance, dentre outros temas relevantes para o setor.

A CLASS é uma conferência bienal promovida pela TI Safe e que reúne as maiores empresas do setor, governo e pesquisadores com interesse na segurança de sistemas de controles industriais no ambiente do ciberespaço. A programação completa será divulgada em breve. Acompanhe pela TI Safe News ou pelas redes sociais.

 

Legado do Hackathon

Também em Curitiba, idealizada pela TI Safe e com a organização da Federação das Indústrias do Paraná (FIEP), na semana que antecede a CLASS, de 22 a 24 de maio, acontece uma maratona Hackathon. O desafio para as equipes participantes será o de propor ideias e soluções na área de segurança cibernética para cidades digitais e inteligentes. “Nosso objetivo é deixar um verdadeiro legado, ou seja, que os caminhos e proposições feitas pelos participantes do Hackathon da TI Safe passem a ser incorporados ao projeto Curitiba 2035”, explica Marcelo Branquinho, CEO da TI Safe. Curitiba 2035 é uma iniciativa da sociedade curitibana para a construção de diretrizes de longo prazo, que nortearão as políticas de desenvolvimento da cidade nos próximos 20 anos.

Na maratona Hackathon serão três dias de competição entre 50 participantes, divididos entre 10 equipes. Os times terão que solucionar os mais complexos desafios na área segurança cibernética e cada equipe deverá conter no mínimo, um integrante com os seguintes perfis:

  • Um programador web ou mobile;
  • Um integrante da área de negócios (administração, contábeis, comércio exterior);
  • Um integrante da área de comunicação, ciências sociais, marketing, publicidade, propaganda, design;
  • Um representante da indústria (empresário de qualquer segmento);
  • Um profissional da indústria, setor privado ou setor público.

Entre os apoiadores da maratona estão:  Agência Curitiba de Desenvolvimento, Clavis, ISACA, UTC AL, Vale do Pinhão e Prefeitura de Curitiba. O prazo de inscrição é entre 10 de fevereiro a 22 de maio. Acesse aqui e saiba mais.

 

Lido 1725 vezes Última modificação em Quarta, 12 Fevereiro 2020 17:01

Copyright © 2007-2020 - TI Safe Segurança da Informação - Todos os direitos reservados.