pten

Como proteger o Agronegócio das ameaças cibernéticas

Avalie este item
(1 Voto)
Quinta, 02 Agosto 2018 17:11

Seminário que aconteceu este mês em Goiânia abordou os efeitos da conectividade no Agronegócio.

Agronegócio

Os crimes cibernéticos crescem no mundo e não estão restritos a empresas de tecnologia. Na era da hiperconectividade, na qual redes, sistemas e dispositivos de automação estão interligados e ligados à internet, o risco de ataques virtuais é cada vez maior, seja por motivação financeira ou ideológica. E o campo não está imune a essa ameaça.

Para explicar como o Agronegócio pode se proteger desse novo risco, foi realizado no dia 14 de agosto, em Goiânia, o 1º Seminário de Defesa Cibernética para Empresas.

No evento, promovido pelo Clube de Compras Adial, o CEO da TI Safe, Marcelo Branquinho, apresentou para empresários do setor um panorama da Agricultura 4.0 e as soluções de segurança para a automação no campo.

 

 

Lido 482 vezes Última modificação em Quinta, 16 Agosto 2018 13:04

Copyright © 2007-2018 - TI Safe Segurança da Informação - Todos os direitos reservados.