TI Safe

Class | Suporte | EaD | Hub |

Home Blog TI Safe e Nozomi Networks avançam no modelo de venda de serviços

Blog

TI Safe e Nozomi Networks avançam no modelo de venda de serviços

Comercialização em escala permitirá acesso de empresas de todos os tamanhos aos serviços gerenciados de segurança cibernética.

A TI Safe foi pioneira ao iniciar a comercialização das soluções da Nozomi Networks na América Latina e visionária ao introduzir o modelo de negócio em que atende por completo às necessidades de implementação de segurança cibernética em plantas industriais.

Segundo explica Nycholas Szucko, diretor regional de vendas da Nozomi Networks, o formato adotado, em que a TI Safe é dona das soluções da Nozomi e vende tudo como serviço, possibilita ao cliente ter maior visibilidade e controle de anomalias cibernéticas operacionais.

Além disso, o modelo permite associar camadas de serviços e de gerenciamento dos sistemas adicionais à planta; além da implementação das demais atividades como segmentação de rede, endpoint etc. “Os produtos da Nozomi dão essa visibilidade e a TI Safe olha para tudo de forma integrada. Dessa forma, o cliente consegue reduzir a superfície de ataque, elevar o nível de segurança e, ainda, realizar mais serviços”, detalha Szucko.

Uma das principais dificuldades das empresas que precisam implementar segurança cibernética é, justamente, encontrar no mercado soluções completas, que englobam tanto produtos e sistemas como equipe capacitada para administrar essas soluções. Globalmente são quase três milhões de vagas abertas em segurança cibernética, sendo 600 mil na América Latina e 300 mil no Brasil.

Por isso, na avaliação de Szucko, projetos que englobam somente produtos frustram os clientes, que não conseguem administrar as soluções adquiridas por conta da falta de profissionais que combinem especialização em sistemas de automação e segurança. A venda tradicional esbarra, ainda, na dificuldade de obter ganho em escala.

“A TI Safe é reconhecida no mercado pela excelência em prestação de serviços em segurança cibernética industrial e ao incorporar produtos de alta performance da Nozomi consegue propor uma oferta de negócio escalável. As empresas que até então não costumavam investir em segurança cibernética, considerando o tema secundário, uma vez que adquirir todos os produtos de controle e gerenciamento da planta ficava fora dos seus orçamentos, passaram a comprar a segurança como serviço, o que é mais interessante comercialmente já que o custo mensal dilui o investimento”, ressalta Szucko.

Outra vantagem apontada pelo gerente de vendas da Nozomi é que, independentemente do modelo de negócio, a TI Safe fala a língua exata desses ambientes por ser precursora em levar segurança cibernética às indústrias e setor de infraestrutura de missão crítica.

“Os demais parceiros de negócios não vieram desse mundo e não têm o mesmo DNA. A TI Safe foi visionária ao levar segurança cibernética para esses ambientes. O grau de digitalização era muito baixo até há alguns anos, mas com o advento do aumento das conexões entre as máquinas (indústria 4.0, 5.0, introdução do 5G) a superfície de ataque ampliou muito”, detalha Szucko.

Desde julho de 2022 quando o novo modelo de negócios entre TI Safe e Nozomi foi lançado, três grandes clientes adotaram a solução, sendo um da área de óleo e gás, um do setor elétrico e outro industrial. A meta é atender até 10 novos clientes na modalidade de serviços até 2023.

Voltar